Saúde

COVID-19: Boletim Epidemiológico de 15 de outubro

15/10/2020

A Prefeitura da Estância Turística de Joanópolis, por meio da secretaria de Saúde – Vigilância em Saúde, informa a população sobre os dados atualizados do BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO referente ao COVID-19, nesta quinta-feira, 15 de outubro, no município.

Os casos de hoje são: 404 notificados; 237 descartados; 131confirmados (estando 114 já curados e 2 internado); 9 monitorados (todos com alta); 2 óbitos/descartados, 4 óbitos confirmados, 21 casos aguardando resultado (estando 1 internado e 20 em isolamento domiciliar) .

A Vigilância Epidemiológica ressalta que a secretaria de Saúde se encontra na última fase das testagens, através do Projeto Testa Joanópolis (assintomáticos), visando a prevenção e cuidados de novos casos. Também os profissionais de saúde estão sendo testados uma vez ao mês. O município já efetuou, entre sintomáticos e assintomáticos cerca de 20% de testagem, refutando uma estatística de infectados/óbitos – especialmente no ápice da pandemia – estando o município superando a crise sanitária com casos negativos mediante a estatística até esse momento. A Vigilância Epidemiológica do município, agradece a colaboração e cuidados da população diante das ações de enfrentamento e contenção à covid-19.

Está em funcionamento também, desde o mês de julho, o Ponto de Atendimento Covid-19, localizado no Largo São João, nº 266, para atendimento específico de pessoas com sintomas suspeitos e confirmados da doença. O local, que funciona das 08 às 17 horas, conta com médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, equipe administrativa e de limpeza.

Importante ressaltar que qualquer pessoa com sintomas ou que busca o esclarecimento de dúvidas relacionadas ao coronavírus pode também entrar em contato com o serviço 24h da Vigilância Epidemiológica pelo telefone (11) 9.9774-2394 ou ainda com o Telesserviço da secretaria de Saúde, das 08 às 17 horas, pelo telefone (11) 9-7351-3006.Como a transmissão do coronavírus é comunitária, ou seja, o vírus está circulando entre as pessoas no município, é fundamental que os moradores redobrem os cuidados preventivos, como a utilização da máscara facial e a higienização das mãos ou uso de álcool em gel 70% frequentemente, além de evitar aglomerações, mesmo que familiares ou entre amigos.