Assistência Social

Prefeitura obtém verba de R$ 250 mil reais para construção do Centro de Convivência do Idoso

27/09/2017

O Governo do Estado também liberou R$60 mil reais destinados às atividades de assistência social e ao asilo do município

A Prefeitura da Estância Turística de Joanópolis, por meio da secretaria de Assistência Social e Cidadania e do Fundo Social de Solidariedade (FSS), obteve a liberação de uma verba de R$250.000,00 para a construção do Centro de Convivência do Idoso, na última terça-feira (26).

O convênio com a Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo foi assinado em 2013, no entanto, estava estagnado. No encontro de ontem, em São Paulo, o atual secretário da pasta Floriano Pesaro (PSDB) e o deputado estadual Edmir Chedid (DEM), que intercedeu pela verba, reafirmaram o compromisso com o município.

Com o recurso, o órgão dará início à construção do Centro de Convivência do Idoso – um espaço voltado às pessoas com mais de 60 anos de idade para interação, convivência e realização de atividades gratuitas. O local pretende oferecer cursos, atividades físicas e de diversão, palestras, entre outras ações de prevenção e manutenção da saúde física e mental.

Segundo o deputado estadual, a primeira parcela de R$100.000,00 deverá ser liberada a partir de outubro para que possa ser feita a licitação da obra. “A expectativa é de que até o fim do primeiro semestre do próximo ano possamos entregar este instrumento de proteção social para nossa comunidade”, disse Edmir Chedid.

Além do recurso para a construção do Centro de Convivência, a prefeitura conseguiu também outra verba da Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado no valor de R$60.000,00, que será destinada às atividades de assistência e de desenvolvimento social e ao Lar Assistencial Ao Idoso São Vicente de Paula.

As iniciativas visam ampliar a área social de Joanópolis, oferecendo melhor atendimento assistencial às pessoas de baixa renda e em situação de vulnerabilidade social, bem como promover um envelhecimento com qualidade de vida e garantir políticas públicas eficientes.

Brasão transparente